Vídeo Luv – Aprenda a gravar vídeos apaixonantes.

Eu sou a Luana Franco, criadora do blog Fiquei Sem Crachá, e estou aqui para te contar um pouquinho da minha história e como os vídeos me livraram do desemprego.

Hoje eles se tornaram a minha principal fonte de renda e vou te contar como eu consegui alcançar mais de 2 milhões de visualizações no YouTube com menos de 2 anos de canal.

Fiquei Sem Crachá é o meu negócio online e que me possibilita trabalhar do conforto da minha casa.
Fiquei Sem Crachá é o meu negócio online e que me possibilita trabalhar do conforto da minha casa.

Você não precisa se preocupar com esses números, porque você não vai precisar tem um milhão de inscritos para começar a ganhar dinheiro com seus vídeos.

Só para você ter uma ideia, quando eu tinha só 3 mil inscritos no meu canal, eu cheguei a vender mais de R$ 13.000,00 em um único mês.

Eu vou te contar como foi que tudo isso aconteceu.

Minha história no Marketing Digital

Tudo começou quando eu perdi o emprego, pois é eu FIQUEI SEM CRACHÁ, e fiquei me sentindo exatamente como se sentem todas as pessoas que perdem o emprego.

Com aquele medo gigante de não conseguir outro trabalho, de não ter como pagar as contas no final do mês.

Essa sensação é muito apavorante, quem já passou por isso sabe do que eu estou falando.

Naquele momento eu precisava encontrar uma saída para minha vida, porque além de ter ficado sem emprego e sem salário eu não posso dizer que era apaixonada pelo meu trabalho como especialista em contratos em uma multinacional.

Para ser sincera, eu não aguentava mais aquilo, mas independente do que aguentava ou não, naquele momento eu precisava era arranjar outro emprego.

Porque uma hora o meu dinheiro ia acabar!

O tempo foi passando e eu não encontrava nada. No auge da crise as empresas não estavam contratando ninguém.

Foi então que numa conversa com uma amiga, no meio do meu desabafo sobre desemprego, ela me disse a seguinte frase:

“Você deveria montar um e-commerce ou alguma coisa que você pudesse ganhar dinheiro pela internet, trabalhando em casa, senão daqui a pouco você vai ficar sem grana.”

E foi exatamente o que eu comecei a procurar, além de procurar emprego.

Fui para o Google fazer aquela famosa pesquisa “como ganhar dinheiro na internet trabalhando em casa”.

E encontrei muitos vídeos sobre empreendedorismo, sobre marketing digital e comecei a assistir tudo.

Tudo começou com vídeos

Foi assistindo esses vídeos que eu me convenci que além de ganhar dinheiro enquanto procurava emprego, eu também poderia, quem sabe, não precisar procurar emprego nenhum.

Investi um pouco do meu seguro-desemprego no meu primeiro curso de marketing digital e comecei a montar o meu novo negócio online.

Através de vídeos no Youtube eu encontrei as informações que precisava e que me convenceram a montar meu negócio online.
Através de vídeos no Youtube eu encontrei as informações que precisava e que me convenceram a montar meu negócio online.

Entre tantas opções eu decidi que eu ia me tornar um afiliado. Para quem não sabe é o trabalho de vendas pela internet de produtos de terceiros.

Eu me especializei em cursos de marketing digital, como aquele primeiro que eu comprei.

Meu projeto se chama FIQUEI SEM CRACHÁ, porque o meu objetivo é exatamente ajudar as pessoas, que como eu perderam emprego ou a fonte de renda, a se reposicionar no mercado através do empreendedorismo digital.

Hoje eu trabalho em casa, tenho uma equipe enxuta de auxiliares remotos. O meu negócio é estruturado para funcionar de forma totalmente online.

Olha que ironia, além de trabalhar em casa, com os meus próprios horários, ter disponibilidade para minha família, eu ainda ganho cinco vezes mais do que eu ganhava quando era funcionário de uma empresa grande.

E olha que eu ganhava bem! Ao menos eu achava que ganhava bem.

Vídeos é a melhor forma de atrair audiência para seu negócio.

Não estou dizendo que foi fácil, nem foi simples. Eu tive muita dificuldade, tive que aprender muitas coisas.

Tive que me reinventar, mas logo no início de tudo tive uma certeza:

“Vídeo são muito importantes para ter sucesso na internet!”

Foi um vídeo que me convenceu a deixar de procurar emprego e empreender.

Foi um vídeo que me indicou o primeiro curso de marketing digital que eu adquiri e o segundo curso que eu comprei também foi influenciado por um vídeo.

Eu já estava gostando das pessoas que só vivia nos vídeos e por causa dos vídeos, seguindo as ideias delas e comprando produtos que elas indicavam nesses vídeos.

Foi por causa dessa percepção que eu decidi:

“Se eu quiser vender bem eu vou ter que fazer vídeos!”

Por que gravar vídeos?

E aí, por onde começar? Quanto mais eu estudava e aprendia sobre as ferramentas de marketing digital, mas eu percebi a importância dos vídeos no sucesso do meu negócio.

E isso não só para quem quer trabalhar com marketing digital, todos os negócios se beneficiam com vídeos.

Com os vídeos você poderá alcançar sua audiência, criando uma conexão forte com ela.
Com os vídeos você poderá alcançar sua audiência, criando uma conexão forte com ela.

A comunicação em formato de vídeos acelera muito o processo de aproximação entre as pessoas.

Um médico, por exemplo. Se você assistir um vídeo de um médico falando exatamente sobre a solução para o problema de saúde que você tem a probabilidade de você querer marcar uma consulta com ele é gigante.

Eu tenho acompanhado uma professora de português que faz vídeos no Instagram, eu estou fascinada.

Através do conhecimento que ela transmite em vídeos hoje ela tem uma procura gigante na escola dela de pré-vestibular.

Ela está muito famosa, ganhando melhor do que a grande maioria dos professores que são funcionários de escola.

Provavelmente, grande parte desse sucesso foi porque ela transmitiu os conhecimentos dela através de vídeos pela internet.

E será que eu preciso falar do sucesso dos YouTubers, com seus vídeos e as suas legiões de fãs?

Vergonha de gravar vídeo

Vídeos são capazes de gerar renda e isso já está claro, mas como fazer vídeos sem equipamentos, sem cenário, sem saber como gravar?

E além de não saber falar para uma câmera, ainda morre de vergonha!

Vamos acabar com a vergonha de gravar vídeos com uma técnica muito simples, mas bem eficaz.
Vamos acabar com a vergonha de gravar vídeos com uma técnica muito simples, mas bem eficaz.

Senti na pele todas essas questões e a vergonha de gravar era sem dúvidas a pior parte.

Comecei a estudar, me desdobrei estudando tudo que eu via sobre edição de vídeos, técnicas de gravação, equipamentos, iluminação e áudio.

Pirei por uns dias, porque é muita coisa. Por isso, quanto mais eu estudava menos eu sabia por onde começar.

E mesmo assim eu sabia que eu precisava fazer esses vídeos, para não ter que trabalhar atrás de uma mesa de escritório com chefe pegando no meu pé.

Acordar cedo, pegar engarrafamento, atividades que não me acrescentavam em nada. Isso não dava mais para mim.

Então coloquei a mão na massa e se você imagina que comecei comprando equipamentos, não foi por ai.

As informações sobre isso eram tantas que eu decidi começar a gravar com o que eu tinha, até porque eu não podia gastar porque eu não tinha renda.

Fiz o canal, gravei o primeiro vídeo, postei e tive milhões de visualizações!

Nada disso! Eu gravei o primeiro vídeo sim, mas ninguém nunca viu de tão horrível que ficou.

Eu me achei horrorosa, nada ficou bom e aquele primeiro vídeo acabou com a minha autoestima.

Parecia que nem falar eu sabia, me achei péssima, eu fiquei desolada achando que eu nunca ia conseguir colocar um vídeo no ar.

Foi quando eu encontrei um vídeo de uma pessoa contando que passou exatamente por isso.

Que o primeiro vídeo quase fez ela desistir de fazer os vídeos, então lá foi eu tentar de novo.

Só que dessa vez eu gravei o mesmo vídeo umas 10 vezes e eu percebi que cada vídeo que eu gravava eu melhorar um pouquinho e melhorava o nível também de exigência comigo mesmo.

Eu comecei a reconhecer a minha imagem, aceitar minha voz e os meus gestos nos vídeos, eu fui me aceitando.

Isso me possibilitou melhorar cada vez mais, pois quando nos reconhecemos, passamos a nos aceitar.

E tudo isso pode ser trabalhado.

No décimo vídeo eu já estava achando que era viável, que existe uma possibilidade de conseguir fazer alguns vídeos que prestasse.

Publiquei, gravei, publiquei… e aos poucos o meu caminho no YouTube e nas outras redes sociais foram se desenhando.

Eu gravava, editava, criava as capinhas, postava os vídeos, fui aprendendo tudo sozinha, na prática.

O que preciso ter para começar a gravar vídeos?

Usei por muito tempo uma softbox caseira que eu fiz com caixa de papelão. Gravei vídeos com webcam e celular. Tudo para não gastar e poder investir em conhecimento.

Com os vídeos fiz minhas primeiras vendas e parte do que ganhava investia no meu negócio, na compra de equipamentos melhores, microfones, tripé.

Quando mais eu gravava, mais eu descobria minha identidade nos vídeos e assim o canal foi crescendo devagarinho.

Só no primeiro ano foram três mil inscritos e as vendas com o canal eram bem legais, nessa época, com três meses de canal, já ganhava mais de 10 mil reais.

O que eu quero te dizer com isso é que você não precisa ter uma audiência gigante para fazer vendas.

Você só precisa se conectar com as pessoas certas.

Assim a minha proposta como Fiquei Sem Crachá que no início era de ajudar pessoas que perderam emprego, se estendeu e ele ficou ainda mais abrangente do que eu imaginei.

Eu vou te ajudar a gravar vídeos apaixonantes

Como eu sempre disse que as minhas melhores vendas sempre aconteceram através de vídeos.

O meu conteúdo no YouTube se tornou referência para milhares de pessoas que querem vender pela internet e muita gente acaba me pedindo ajuda para vender mais.

Prepare-se para despertar o amor por você e pelo seu negócio.
Prepare-se para despertar o amor por você e pelo seu negócio.

Eu acabei ajudando muita gente que achava como eu que não tinha talento e nunca ia conseguir gravar bons vídeos.

Todo mundo pode fazer bons vídeos, não precisa ser orador, não precisa ter equipamentos caros e nem precisa ser bonito.

O que você precisa é entender como atrair as pessoas certas, com conteúdo certo e principalmente como criar sua identifique.

A sua identidade nos seus vídeos deixa sua verdade, sua personalidade transparecer e dessa forma as pessoas vão se apaixonar por você.

Gravar vídeos apaixonantes com o Vídeo Luv

Amor se desperta quando você entrega verdade e as pessoas se conectam com você.

Pensando em ensinar as pessoas a gravarem vídeos apaixonantes que eu criei o VÍDEO LUV.

Aprenda a gravar vídeos apaixonantes com o Vídeo Luv.
Aprenda a gravar vídeos apaixonantes com o Vídeo Luv.

Assim como eu fiz e eu ajudei várias pessoas a fazer vídeos apaixonantes, eu vou te pegar pela mão e te mostrar que você é capaz.

Não é um bicho de sete cabeças, qualquer pessoa consegue fazer isso.

O que você encontrará no VÍDEO LUV.

O VÍDEO LUV foi pensado nos mínimos detalhes para te ensinar do zero como fazer vídeos.

O conteúdo e os bônus do Vídeo Luv farão você gravar vídeo magnéticos.
O conteúdo e os bônus do Vídeo Luv farão você gravar vídeo magnéticos.

Para aquelas pessoas mais travadas a primeira coisa que a gente vai fazer para produzir os seus vídeos apaixonantes é destrava-lo.

Já no primeiro módulo você vai sair gravando seus vídeos usando os exercícios que eu vou te passar e dos desafios que eu vou te propor.

Depois de destravar, reconhecendo-se e aceitando-se diante das câmeras, vamos tratar de desenhar o seu conteúdo.

Identificar o público, o que você vai dizer para eles e a forma que você vai se comunicar com eles.

Você vai aprender a fazer roteiros para vídeos apaixonantes!

Em seguida virá a parte técnica. Eu vou te mostrar como gravar e editar os seus vídeos.

Sim, você mesmo vai ser capaz de se gravar e editar os seus próprios vídeos e o melhor de tudo com equipamento que você tem em casa.

E a edição será com um programa mega profissional e grátis.

Maravilhoso, não é?

Mas não é só isso. No VÍDEO LUV você vai aprender a posicionar vídeos no YouTube e em outras redes sociais como Facebook e Instagram.

Vai aprender a gravar e editar seu vídeos usando apenas seu smartphone.

E não acaba por aqui. Eu convidei uma legião de feras para participar desse curso junto comigo.

Rejane Toigo

Rejane Toigo vai falar sobre estratégias de conteúdos para vídeos.

Karyne OttoKarine Otto vai ensinar a fazer uma sequência de vídeos de lançamento.

Endy Benittis

Endy Benittis, do blog Garota de Negócios, vai te ensinar a fazer a identidade visual para seus vídeos, as miniaturas, as capas de redes sociais e a imagem padrão dos seus vídeos.

Tudo isso com programa totalmente gratuito, de forma super profissional para deixar seus vídeos mais personalizados e autênticos.

Manu Muniz

Manu Muniz, do blog Manu no mundo, vai te ensinar a fazer vlogs de viagem.

Simone GalvãoSimone Galvão vai te mostrar como criar vídeos apaixonantes de receitas.Brunno TassitaniBrunno Tassitani vai falar como impulsionar seus vídeos no Facebook e no Instagram para fazer essa audiência crescer bem mais rápido.

Alex VargasAlex Vargas preparou um super bônus com as melhores dicas para ganhar dinheiro com vídeos na internet.

E para fechar com chave de ouro eu preparei um bônus super especial chamado Meu Negócio de Vídeos Revelado.

Nele mostro toda minha estrutura de negócios online e como eu uso o poder dos vídeos para ganhar múltiplos cinco dígitos por mês trabalhando em casa.

Olha que legal. Quem virá aluno do VÍDEO LUV terá acesso exclusivo a um grupo no Facebook onde você vai poder debater o conteúdo exclusivo do curso.

E formar uma verdadeira comunidade de criadores de vídeos apaixonantes.

Nesse grupo você vai poder postar seus vídeos, pedir opinião dos colegas e até firmar parcerias.

Esse é um lugar de fazer amigos também!

É nesse grupo que a gente vai poder se relacionar melhor, que acompanharei o projeto de cada um mais de perto.

E vira e mexe fazer uma live, tirar uma dúvida e muitas outras novidades que estão por vir.

Para quem é o Vídeo Luv?

Você deve estar se perguntando se o VÍDEO LUV é o curso ideal para você.

Eu vou te falar para quem não é o VÍDEO LUV.

O VÍDEO LUV não é para quem não quer gravar vídeos na internet.

O VÍDEO LUV não é para quem não quer aparecer nos vídeos.

O VÍDEO LUV é para quem já entendeu a importância dos vídeos na construção da autoridade na internet, mas não sabe por onde começar a fazer vídeos apaixonantes.

Esse curso também é para quem já faz vídeos para internet, mas não está seguro e feliz com os resultados que tem alcançado.

O VÍDEO LUV é para quem quer alcançar melhores resultados profissionais através de vídeos apaixonantes.

Então se você quer que as pessoas se apaixonem por você, esse curso é para você.

E para fazer parte dessa turma basta clicar no botão que está aqui embaixo e se tornar meu aluno.

Espero você lá no outro lado como meu aluno no VÍDEO LUV.

Convido você a assistir ao vídeo de apresentação do VÍDIO LUV.

Você pode acessar também: https://videoluv.com.br/

Até lá.

4.5 (90%) 4 votes

Comentários

Comentários