Papo com Alex Vargas| Vender todo dia no automático, primeira venda e erros dos afiliados iniciantes

Um dia desses, eu fui convidada para bater um papo com o meu mestre e mentor Alex Vargas. Falamos muito sobre marketing digital, inclusive sobre primeira venda como afiliado e vendas no automático. 

Essa conversa rendeu tanto assunto, que virou uma conversa enorme, com muitas dicas de marketing digital.

Essa série que estou chamando de Pílulas de Negócio Online está muito especial.
Essa série que estou chamando de Pílulas de Negócio Online está muito especial.

Por isso eu decidi criar uma série chamada Pílulas de Negócio Online com Alex Vargas.  

E para começar eu vou contar como eu fiz a minha primeira venda e a gente também vai falar sobre um dos maiores erros que os iniciantes cometem que é a percepção errada dos primeiros resultados.  

Foi uma entrevista super enriquecedora e tenho certeza de que alguns pontos são exatamente aquelas dúvidas que você tem  na sua cabeça.  

Alex Vargas entrevista Luana Franco – Como fazer a primeira venda como afiliado 

A primeira venda como afiliado é ou não é importante?  

Sempre foquei no processo de trabalho e de resultados mais a longo prazo, a primeira venda como afiliado é importante sim. Quando eu era iniciante, eu busquei também a primeira venda.  

Eu tinha aquela ansiedade pela primeira venda, mas eu não trabalhava com foco na primeira venda. 

Primeira venda deve ser realmente o foco principal do seu negócio?
Primeira venda deve ser realmente o foco principal do seu negócio?

Eu estava naquela ansiedade. Será que vai sair? Eu tomava as ações para fazer vendas, porém essas ações eram aquelas ações de vendas no automático. 

E essas ações de vendas no automático, elas naturalmente me geraram as primeiras vendas e as vendas subsequentes.  

Então é uma questão de você assistir o treinamento, colocar em prática, testar e ver se dá certo. 

E se não der certo, espera, válida, continua trabalhando, continua estudando, seguindo os passos, colocando em prática para ver se dá certo. 

Enquanto isso você vai trabalhando para tentar captar audiência, porque sem pessoas a gente não consegue fazer nada na internet. 

Não só quando você fez a sua primeira venda como afiliado, mas quando as vendas começaram a acontecer diariamente? 

 Do segundo para o terceiro mês. 

Foi quando começou a entrar vendas com mais frequência.  

Não eram todos os dias, mas frequentemente.  

Vendas feitas um a um. Com atendimento individual. O que você pensar disso? 

Temos uma onda no mercado muito forte de vendas diretas, sendo feitas através de plataformas diversas, como Instagram ou YouTube, mas que as pessoas vendem no mano a mano, conversando um por um.  

Algo importante ter em mente é que tempo não é escalável. Tempo é um recurso limitado. 

Vendas individuais funcionam, mas não era como eu desejava trabalhar.
Vendas individuais funcionam, mas não era como eu desejava trabalhar.

Eu nunca usei essa estratégia de vendas individuais. 

Lembro inclusive de uma coisa que me marcou muito. 

Eu queria dar estava criando um bônus para entregar para quem comprasse pela indicação e um desses bônus era um grupo Vip no Facebook para quem comprasse pela minha indicação. 

Queria ter de diferencial nesse grupo, pessoas já experientes para trocar ideias.  

Convidei o Douglas, gerente de afiliados do Alex Vargas, para participar desse grupo e aí ele me deu mais uma sugestão, que era oferecer uma mentoria de uma hora para quem comprasse pela minha indicação. 

A ideia era boa, mas eu tinha a mentalidade de que o que eu oferecesse precisava ser escalável. Eu precisava criar bônus que eu pudesse entregar em massa, que pudesse entregar para várias pessoas. 

Qual foi a estratégia de vendas utilizada?  

Muita gente me faz essa pergunta e a expectativa que as pessoas têm que eu responda que eu fiz uma única coisa. 

Mas todas as vendas, inclusive a minha primeira venda como afiliado, foram provenientes da estrutura de negócio que eu construir. 

Não houve apenas uma ação e sim um conjunto de ações que me levaram a minha primeira venda como afiliado.
Não houve apenas uma ação e sim um conjunto de ações que me levaram a minha primeira venda como afiliado.

A estrutura de negócio online é o trabalho feito com os canais de comunicação, os ativos e as listas. 

No início eu tinha o blog como canal de comunicação, a lista de e-mail marketing, a fanpage, que era o meu perfil no Facebook, tinha um Instagram que havia começado do zero, um e-book e o meu canal no YouTube. 

Eu lancei o blog, já comecei a fazer os postes no Facebook, eu me tipo uma semana lembro que foi na época da promoção da Black Friday. 

Comecei a ver todo mundo postando nos grupos do Facebook vídeos falando sobre as promoções e aquilo começou a me fazer sentir muito mal. 

Vi os meus colegas falando para audiência dele e foi como se eu estivesse devendo para minha audiência. 

Eu precisava fazer isso pela minha audiência, precisava fazer um vídeo avisando da promoção. 

Mas eu prensava na vergonha, como eu não gostava do meu rosto e da minha voz no vídeo, mas tive que superar tudo isso e encarei os meus medos de gravar vídeo 

E foi quando tudo literalmente começou a acontecer.  

Eu gravei o vídeo, postei no meu canal, divulguei o link no grupo do Facebook no qual eu participava.  

Uma pessoa viu minha indicação no grupo, foi até o meu canal, assistiu ao meu vídeo, segui a indicação de acompanhar o meu blog, ao entrar viu o bônus que eu oferecia gratuitamente, se inscreveu na minha lista, começou a receber meus e-mails e nessa sequência de e-mails ela realizou a compra. 

Tudo isso para mostrar que até a minha primeira venda como afiliado veio da minha estrutura de negócio.  

Para fazer a primeira venda, é preciso entender que tudo começa do zero.  

Todos esses pontos da minha estrutura online que eu acabei de mencionar, elas não existiam antes de eu começar a trabalhar com marketing digital 

Então tudo começou realmente sem ninguém acompanhando.  

E esse é o grande lance.   

Muitas pessoas pensam que vão começar com algum curso ou vão começar no mercado e vai ganhar um pacote pronto de pessoas. 

Há uma visão muito deturpada do que é resultado. 

Se essa visão sobre o que é resultado fosse mais clara talvez muitas das pessoas não se sentiriam tão frustradas quando se tem números tão baixos logo nos primeiros dias. 

Quando você interage de verdade com pessoas nas redes sociais, quando você interage ao invés de tentar enfiar link de afiliado goela abaixo, ela realmente olha para você. 

Ela percebe você, ela sente reciprocidade e passa a te ver. 

Então, a partir do momento que você interage com ela, que você ajuda, que você valoriza a opinião isso também faz com que ela se sinta útil. 

Ela se sente como se fosse sua amiga.  

Assim, quando você pede para as pessoas cumprirem uma ação, elas vão te honrar, vão lá para avaliar o seu conteúdo. 

Entendido isso, volto na questão sobre resultados.  

Se você interage com as pessoas e entrega conteúdo de valor, aquele like, aquele comentário, aquele novo seguidor que você conquista, isso é um resultado.  

Resultado não é somente vendas. Para ter vendas, você precisa ter pessoas.  

Então se você tinha zero seguidores e agora tem três, você teve resultado. 

Se você não sabia fazer um blog, não sabia criar uma conta profissional no Instagram e agora você consegue, você teve resultado. 

Ter essa percepção sobre o que é resultado fará você não se frustrar diante dos desafios e seguir focado no resultado de fazer vendas.  

E lembrando: para você ter resultado de dinheiro, antes você tem que ter resultado de tráfego e para o resultado de tráfego você tem que construir uma estrutura.  

E aí? Já tinha parado para pensar que você precisa ter muitos resultados antes de fazer a primeira venda como afiliado? 

Convido você a assistir ao meu vídeo “Papo com Alex Vargas| Vender todo dia no automático, primeira venda e erros dos afiliados iniciantes.” 

 

Assista no YouTube clicando aqui: https://youtu.be/aihHhCaJCn8 

Conheça meu canal do YouTube: http://fiqueisemcracha.com.br/ytb 

Até o próximo post.

Abrs.

Eu