Como perder o medo e a vergonha de aparecer?

Quem vê a minha placa do YouTube com 100 mil inscritos, não imagina que eu tive que perder o medo e a vergonha de aparecer para chegar aonde cheguei.

Eu sempre tive vergonha de aparecer e todas essas dificuldades que a maioria das pessoas tem em aparecer na internet e falar sobre um assunto específico.

Imagine se eu não tivesse perdido o medo e a vergonha de aparecer?
Imagine se eu não tivesse perdido o medo e a vergonha de aparecer?

Eu não tenho um dom, muito pelo contrário. O resultado que tenho hoje é fruto de

Muito esforço, muita persistência, muita consistência para conseguir ter a desenvoltura que eu tenho para vai aparecer no Instagram e no Youtube, por exemplo.

Quero dividir com você algumas situações em relação ao meu processo gravando vídeos que certamente você vai se identificar.

Você vai perceber que todo mundo é capaz de vencer o medo e a vergonha de aparecer.

Perder o medo e a vergonha de aparecer.

1 – Comece pelos Stories do Instagram.

O primeiro passo para quem tem medo e vergonha de gravar vídeos, de aparecer no Instagram é começar pelos Stories.

Nos Stories você precisa aparecer apenas por 15 segundos e qualquer pessoa é capaz de vencer esses segundos de vergonha.

Quem deseja vencer no marketing digital passará por muito desafios, então vencer os 15 segundos de vergonha nos Stories é uma grande vitória para quem estiver disposto a pagar o preço.

Para vencer é preciso estar dispostos a pagar o preço. É isso que precisamos ter em mente.

Então, comece pelos Stories. Essa ferramenta possui muitos recursos que você pode utilizar para vencer o medo e a vergonha de aparecer.

Um deles é você começar sem aparecer.

Ao invés de você começar abrindo a câmera e já sair falando, você pode gravar videozinhos legais e não falar nada, soltar as imagens com fundo musical.

Compartilhar seu ritual matinal é um ótimo começo. Você vai se familiarizar com o processo e criar uma constância nos seus Stories.

Pode mostrar seu pet, a vista da janela, sua xícara de café, chá ou água, uma mensagem de bom, arrumando a cama, se arrumando.

Tudo isso pode ser parte da sua rotina matinal e um excelente exercício para perder o medo e a vergonha de aparecer.

Importante você ter em mente, que essa estratégia tem a única finalidade de te ajudar a destravar na hora de aparecer nas redes sociais e que em um determinado momento você vai passar a aparecer nos seus Stories.

2 – Você não é ridículo como se imagina.

Todas as vezes que pergunto para minha audiência se eles me acham ridículas, se eles veem algum problema com a minha imagem, com a minha voz, com as informações que compartilho.

Essas coisas que poderiam me deixar envergonhada de aparecer, a maioria esmagadora não vê problema nenhum.

Ninguém me acha ridícula, mas eu me achava.

Não deixe que seu medo te diga que você é ridículo.
Não deixe que seu medo te diga que você é ridículo.

Eu me achava ridícula, eu tinha vergonha da minha voz, eu tinha vergonha do meu cabelo, eu tinha vergonha da minha aparência.

Eu não gostava do que eu via, do reflexo da minha imagem na câmera.

Fico muito emocionada quando eu me lembro disso. Eu também tinha vergonha, eu também tinha medo.

E a minha emoção vem de imaginar se eu tivesse dado ouvidos para mim mesma.

O que teria sido de mim se eu tivesse escutado aquela voz crítica dentro de mim que dizia que eu estava ridícula, que meu vídeo estava muito ruim.

Diversas vezes isso aconteceu, eu desistia de gravar, desligava a câmera.

Se você procurar pelos meus primeiros vídeos no Youtube você perceberá que eu falava bem baixinho, pois eu não queria ouvir o som da minha voz

Eu tinha medo, tinha vergonha do que as pessoas iam achar

Depois eu entendi que eu não gostava do som da minha própria voz, porque o som que eu escuto quando eu abro o vídeo e eu me assisto é diferente do som que eu escuto dentro da minha cachola quando eu falo com as pessoas.

Eu não estava acostumada com essa pessoa (que era eu mesma) no vídeo, com essa voz que eu nunca tinha ouvido antes.

Isso é o que acontece com você ou com qualquer outra pessoa no mundo.

Tenha em mente que se a sua voz é realmente ridícula, você não conseguiria conversar com ninguém, concorda?

Nos vídeos, você está se ouvindo da mesma forma que todo mundo escuta quando você conversa.

Sua voz não sai diferente no vídeo, ela é assim mesmo. A diferença é que você não está acostumado com a sua voz.

E essa familiarização só acontece à medida que você grava. Quanto mais gravar e se ouvir, mas você se acostuma e mais você vai deixar de julgar sua voz como ridícula

3 – Melhore aquilo que te incomoda.

Muita gente reclama que não gosta da própria imagem nos vídeos e isso também aconteceu comigo. Eu também achava a minha aparência ruim.

E o que eu fiz? Fiz o máximo de coisas possíveis para me sentir melhor.

Se algo não te agrada quando você grava vídeos, você pode melhorar.
Se algo não te agrada quando você grava vídeos, você pode melhorar.

Quando eu me arrumo, eu me arrumo para mim, não para quem vai me assistir.

Eu sei que o fato de me arrumar ajuda em como a minha imagem reflete para as pessoas.

Mas eu também me arrumo para mim sentir melhor e me sentir mais à vontade na hora de transmitir a minha mensagem.

Eu aprendi a me maquiar. Eu fui no YouTube e pesquisei maquiagem para iniciantes.

Fiz micropgmentação nas sobrancelhas, pois eu não tinha nada de sobrancelha e achava que meu rosto não tinha expressão.

Arrumava sempre o meu cabelo.

Tudo isso para conseguir me encarar, para conseguir ter uma melhor visão de mim mesma ao aparecer.

Isso significa que você precisa fazer a mesma coisa? A resposta é não.

Eu aconselho você fazer coisas para você e que te façam sentir-se mais à vontade para aparecer em frente a câmera.

E isso cada um vai perceber as suas próprias dores. Aquilo que te trava, você pode buscar uma forma de se sentir mais confortável.

Mas há alguns pontos que eu aconselho sempre, como pentear o cabelo, não vestir roupa amassada, rasgada ou furada.

Porque isso, além de te fazer sentir desconfortável diante da câmera, também vai transmitir uma imagem ruim para quem está te assistindo.

4 – Como gravar Stories sem aparecer.

Outra forma de começar a gravar Stories em aparecer para perder o medo e a vergonha de aparecer é fazer vídeos escrevendo.

Sim, usando uma caneta e um caderno, você pode explicar sobre algo enquanto escreve pontos específicos.

Use os Stories a seu favor.
Use os Stories a seu favor.

Por exemplo, eu já gravei um vídeo falando sobre quanto é necessário investir para começar um negócio online.

Falei que é preciso ter um domínio e uma hospedagem para o blog, além de um template profissional.

Ao tempo que eu ia listando o que era necessário e falando o preço de cada ferramenta, eu escrevia no caderno.

Eu falava e mostrava para as pessoas o que elas precisavam.

Essa é uma excelente forma de você começar a falar, treinar a organização das suas ideias e desenvolver um outro nível de conexão com sua audiência.

Além de ver a sua rotina, como dei a dica anteriormente, agora eles podem acompanhar sua forma de explicar as coisas e assim criar uma familiaridade com sua voz, com seu jeito de falar e se comunicar.

5 – Fale sobre o que você sabe

Ao falar sobre um assunto que você domina, que você sabe claramente do que está falando, isso vai te dar mais segurança na hora de falar.

E para te dar ainda mais segurança, crie um roteiro antes.

Não precisa ser as falas, o texto exato que você irá dizer, mas pontos que você pode seguir para que a sua comunicação seja clara e fluida.

Quanto mais sentido o seu discurso fizer, seguir uma linha de raciocínio que todos possa acompanhar, mais fácil é para entender e mais fácil é para você comunicar tudo que você deseja.

6 – Gravar, gravar, gravar.

O meu grande diferencial na hora de gravar vídeo e que me ajudou a perder o medo e a vergonha de aparecer é que eu não tenho preguiça de fazer de novo.

Se não ficou bom, se eu acho que pode ser feito melhor, eu não tenho barreiras, vou lá e gravo outra vez.

Gravra, gravar, gravar!
Gravra, gravar, gravar!

Porque o que faz você aprender a gravar, a perder o medo de aparecer, é se expor.

É gravar, é aparecer, é fazer. Isso que vai te ajudar a perder o medo e a vergonha.

Entendendo as técnicas, seguindo uma rotina constante e mostrando ao mundo o que você tem apara oferecer, você vai tornar isso um hábito.

Você vai aprender qual a sua melhor forma de gravar, como você se sente mais confortável ao aparecer.

Gravar, gravar, gravar. A sua vergonha não vai embora nos primeiros vídeos, a vergonha vai embora com o tempo, com o retorno que você vai ter da sua audiência.

Ache sua força, ache um motivo que te faça gravar vídeos mesmo com vergonha e siga em frente.

Pois o vídeo tem um poder incrível de te conectar com seu público.

Os vídeos nos remetem aos nossos sonhos, as nossas lembranças, nossa imaginação, por isso que vídeos conectam.

Vídeos são uma ferramenta primordial, fundamental, para você gerar conexão com as pessoas.

Para gerar confiança. E confiança gera vendas.

E mesmo que você tenha poucos seguidores, lembre que todo mundo começou do zero. Eu comecei do zero e sei que não chegaria tão longe se deixasse o medo e a vergonha de aparecer me dominasse.

 

Convido você conhecer o meu curso Insta para Afiliados, onde ensino do zero a trabalhar como afiliado profissional no Instagram.

Seja meu aluno no curso Insta para Afiliados. CLIQUE AQUI.